quinta-feira, julho 12, 2007

ABC

A história da língua, os linguistas e outros estudiosos do fenómeno humano que nos deu esta maravilhosa capacidade de articular sons exprimindo as mais variadas coisas, há anos que se debatem com este problema de saber onde apareceu, quem inventou. Muitas são as propostas, teorias, hipóteses e conclusões, desde gregos a árabes, a sumérios e egípcios são muitos os povos que contribuíram para esta maravilha, no entanto recentemente o MIT, Movimento de Investigação da Tróia, um organismo completa e totalmente imparcial, revelou ao mundo que os inventores do ABC, foram, aquele povo pequinino, mesquinho e sacaninha, enfiado lá no fim da Europa entalado entre a grande Hispânia Tarraconense e o grande mar oceano Atlântico, a quem vulgarmente se dá o nome de Portugueses.

O MIT, publicou um douto e aturado estudo onde ficou plenamente demonstrado o primado das Lusas gentes na tarefa inventiva de criar o ABC, que é uma das mais importantes aquisições deste nosso mundo, que nos acompanha desde a mais tenra idade, nas suas múltiplas manifestações e utilizações diárias, quase sem dar-mos por isso, o ABC, faz parte da nossa vida, nós Portugueses somos adictos ao ABC, com ele conquistamos o mundo, o continente, o país, a cidade, o bairro, a casa, o emprego e milhares de outras coisas, é o nosso mais estimável e perene recurso, por ele calcorreamos ruelas e vielas ruas e arruamentos, estradas, caminhos e ruelas vamos não importa onde, falamos com não importa quem.

Logo de pequeninos, vamos para o infantário e quando não há vaga o que nos salva muitas vezes é o domínio do ABC, começa aí a aprendizagem, ao longo da vida vamos dando largas à nossa curiosidade, vamos aquela discoteca ou bar da moda, e lá vem o ABC, para podermos entrar à frente dos outros, na escola uns esfalfam-se para tirar grandes notas, coitados, não tem habilidade com o ABC, porque os que têm essa habilidade sabem que independentemente das notas, quando saírem da universidade, à sua espera estará aquele lugarzinho de assessor de coisa alguma, pago regiamente.

No hospital, só nos safamos com o nosso ABC, é ele que garante que somos atendidos, primeiro que os demais, que somos operados e tratados à frente dos outros, sim porque para quem domina o ABC não existem listas de espera, na Justiça é o mesmo, quem tem essa esplêndida capacidade, contorna sempre a tal Lei igualitária que por cá existe, a Lei é para todos diz-se, perdão! A Lei é para tolos! Diz quem sabe do ABC.

O ABC, faz parte de nós, em casa, no emprego, quando somos multados, na escola com os horários guardados para os amiguinhos, enfim nas milhentas actividades desta nossa sociedade o ABC é importante, é omnipresente e fomos nós que o inventamos ao ABC, Alavanca Barrote e Cunha, o método mais importante para perpetuar o chico espertismo nacional, contornando a Lei, arranjando emprego e passando à frente de todos, ludibriando, pagando e devendo favores. Viva o ABC a mais importante invenção da Lusa Pátria.

Um abraço, deste vosso amigo

Barão da Tróia

13 comentários:

Isabel-F. disse...

Adorei ...

está soberbo o texto ... eu a ler ... e a querer chegar ao fim para ver o que seria ... e imaginando sempre que teria algo a ver com o chico espertismo português...

beijinhos

SA disse...

há outros que utizam aquela expressão detestável "ter muito patoá"... mas o texto esta interessante, sem dúvida

♥≈Nღdir≈♥ disse...

Um texto muito bem construido, eis a importância da expressão vocal e escrita... sem ela seria complicado fazermo-nos entender e entender os outros...
A voz, as letras, enfim o expressar do sentir de um individuo, e se o sentir é único para cada um de nós já o expressar é universal seja ele em que idioma for...
Bem dita invenção esta do ABC.
Beijos carinhosos

Andreia do Flautim disse...

pois é, quem não tem é que fica para trás:S

Anónimo disse...

Tem razão barão de troia.
Quem não sabe o ABC fica manco ou num cemitério.
O seu texto bem construido dá bem na muge.
Os chicos espertos aprenderam e bem a lição num pátuá que engana o zè português ou seja foram para o CURSO da POLITICA.
touaqui42

A. João Soares disse...

Belo texto. Sem o ABC somos analfabetos, sem estas ferramentas do trabalho diário nada se consegue e devido à preguiça e horror ao trabalho dos portugueses, está a usar-se quase exclusivamente a última destas três ferramentas. As outras exigem esforço!
convido a uma visita e comentários nos textos frescos que se encontram em Do Miradouro e que procuram combater o mau uso do ABC e são bastante orientados para a polémica, tendo já comentários com interesse.
Abraço
Abraço

bluerussian disse...

cert�ssimo, caro bar�o. Como sempre!
o problema deste pa�s, para al�m dos demais, � que o tuga usa do expediente e gosta de se gabar. Somos um quintal pequeno, depois tudo se sabe. e a piada, sem gra�a nenhuma, � que tudo se sabe, e nada se faZ!!
sauda�es

Lumife disse...

Caro amigo venho convidá-lo a passar pelo "BEJA" e levantar a "encomenda" que lá o espera.

Bom domingo.

Um abraço

Paulo Sempre disse...

"lusa Patria mais que quantas"...150.000.0000 "falam" o ABC de Camões e trazem na alma o "grito" de Amália Rodrigues. É uma alma portuguesa concerteza....
Abraço

Paulo

Eric Blair disse...

Pá, é só pessoal a meter cunha para ires à tasca deles :)

foryou disse...

Um belo texto como sempre.

Beijo

Francis disse...

G-E-N-I-A-L !!!

日月神教-任我行 disse...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,a片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,性愛