quinta-feira, janeiro 04, 2007

Pura Incompetência!

“Luz do Sameiro” era uma embarcação de pesca costeira que naufragou à vista de terra na zona de rebentação na praia da Légua junta à Nazaré, daí resultou a morte de 6 homens que foram abandonados à sua sorte, apesar de existir uma coisa pomposa que se chama Centro Distrital de Operações de Socorro, que parece ter a mesma função que a Comissão de Protecção de Menores, ou seja serve para muito pouco e o pouco que faz não serve a ninguém.
Cobrindo o Sol com a peneira o Ministro Severiano Teixeira anunciou um inquérito à actuação da Marinha e da Força Aérea, a quem erradamente os sucessivos governos ineptos imputam as missões SAR*, digo erradamente porque não é de todo missão das Forças Armadas faze-lo, não quero com isto dizer que não o possam e devam fazer. No entanto não no formato actual.
Estes homens morreram a 50 metros do areal por culpa destes governos de incapazes que nos têm governado nos últimos 30 anos. E porquê? Simples, reparem que não vou inventar nada, basta ver o funcionamento deste tipo de instituições, noutros países. Cada capitania deveria ter em permanência uma equipa de busca e salvamento, com equipamento moderno e capaz, não com as relíquias museológicas que equipam as parcas equipas de busca e salvamento actuais, todos os portos deveriam estar também servidos de meios aéreos em permanência.
Tudo isto seria possível se existisse uma Polícia Marítima em condições, num qualquer país civilizado o que é que acontece? Existe uma Autoridade Marítima cuja orgânica de funcionamento se divide em três missões prioritárias, Fiscalização, Vigilância Balnear e Busca e Salvamento. Por cá é a rebaldaria, as capitanias são atribuição da Armada, pelo meio existe uma coisa tímida que é a Polícia Marítima, que anda sem meios, há uns anos nem casacos de Inverno tinham, depois o Instituto de Socorros a Náufragos e por último a Armada e Força Aérea com os parcos meios que possuem, junte-se o Ministério da Defesa, da Administração Interna, mais o gato e o cão e daqui resulta a actual barafunda, resultam também vidas desperdiçadas que poderiam ser salvas, culpa de quem, dos do costume que se fecham nos gabinetes a ganhar bolas de sebo no traseiro ao invés de fazer aquilo para que regiamente são pagos.
O senhor ministro Teixeira demonstrou ser também um distraído, com esta palhaçada de investigação, vai investigar o quê? Vai chegar a que conclusão? Vai investigar algo que já deveria saber, se não sabe é porque não presta para a pasta que ocupa, o que acredito ser verdade, concluindo que a Marinha faz o que pode e a Força Aérea também, brilhante, sem dúvida.
Em resumo aqueles homens só morreram porque os nossos governantes são uns incapazes, ineptos e incompetentes, que não percebem ponta de chavelho do que andam a fazer, desbaratam recursos em porcarias cretinas, não investindo onde deviam, para segurança de quem vota neles. Uma ressalva porém não são só os governantes, é toda aquela súcia politiqueira, que inclui também as oposições, que não têm a mínima pista do que é um país como este, esgotando o seu tempo em questiúnculas ridículas e minudências imbecis, ficando por resolver as necessidades do país real.
*Search & Rescue – Busca e Salvamento”
Um abraço deste vosso amigo
Barão da Tróia

20 comentários:

deep disse...

É deveras revoltante. Este é mesmo um país de faz de conta, onde os maiores culpados ficam sempre impunes... e são já tantos os exemplos.

Tem um bom resto de semana.

pechanense disse...

Não seria melhor que se criasse uma "Search & Rescue – Busca e Salvamento" para todo o Portugal, para que não morrermos também nós a uns escassos 50 metros da Europa!?

É que as soluções apresentadas pelos sucessivos "Engenheiros", não têm passado de simples "Bóias de Salvação"... ainda por cima trazem as "instruções" ao contrário, como foi o caso da que nos foi dada neste Natal... que dizia: "SOHNOS"

Situações como esta de de Nazaré não são para lamentar... são para EVITAR.

Um abraço!

isabel victor disse...

REVOLTANTE !

Perderam-se seis VIDAS mesmo à frente dos nossos olhos ...

________

Tanta INEFICÁCIA ...

Isabel-F. disse...

"Em resumo aqueles homens só morreram porque os nossos governantes são uns incapazes, ineptos e incompetentes, que não percebem ponta de chavelho do que andam a fazer, desbaratam recursos em porcarias cretinas,..."

Sem dúvida.
Sinto-me revoltada ... e envergonhada tb.

Bom fim de semana
Bjs

nene disse...

Pois..
É que para terem uma frota de carros como o governo tem,motoristas para as esposas e filhos etc, não há dinheiro para o resto.
Um beijinho:)

Eric Blair disse...

Explicar o inexplicável...
A expressão "morrer na praia" utiliza-se precisamente para classificar derrotas impensáveis e inexplicáveis.

Isabel Magalhães disse...

Caro Barão;

Deixo um abraço e um link.





http://socialdemocracia.blogspot.com/2007/01/autoridade-nacional-de-proteco-civil.html

padeiradealjubarrota@sapo.pt disse...

É a eterna miséria de sempre.

sandes-de-coirato disse...

Como se a pesca não fosse já uma labuta ingrata... ainda têm que morrer para o país peceber a rede mal amanhada que os nossos governantes andam a tecer.

Bom fim de semana.

Anónimo disse...

Infelizmente e para mal dos que padecem soluções não existem para que não aconteçam desgraças destas e por cima lá vem o tal inquérito que nada dá.
Tens muita razão no que apresentas e faço minhas as tuas palavras.
Para que se maçar este GOVERNo se eles tem tudo e mais algo, coisa que outros não teem.touaqui42

Cherry Blossom Girl disse...

Muito triste mesmo...Espero que tenha servido de lição.
Beijinho amigo
***

Jofre Alves disse...

Passei para ver como ia o Ano Novo, e com agrado constato que a qualidade é a de sempre, igual ao ano anterior, sendo imprescindível vir aqui. Resta desejar Bom Ano e óptima semana, e já agora, faça o favor de ser feliz.

Sofocleto disse...

Nem os dois submarinos usados que o Paulo Portas comprou a pagar em 30 anos puderam ajudar.

Andreia do Flautim disse...

Como é que é possível, estanto tão perto!

tron disse...

Portugal só la vai com uma revolução

Capitão-Mor disse...

Caro Barão:
Antes de mais os meus sinceros parabéns pelo blogue.
O que dizer em relação a esta notícia? Longe vão os tempos em que a nossa marinha fez história. Hoje tornou-se uma actividade esquecida e desprezada pelos governantes.
Bom fim semana!

naoseiquenome usar disse...

Inadmissível!
Mas já agora, que todos, assumam, ao menos desta vez e, que daí se tirem ilações, as suas responsabilidades!

Caiê disse...

Em Portugal, há submarinos mas meios de salvamento capazes... Ui, não falemos disso! Este assunto toca a todos, ainda que pensemos que não.

Dae-su Oh disse...

É vergonhoso, mas só quem não conhece o meio é que se espanta com isto. Quem sabe como os meios de emergência de salvamentos marítimos funciona não se espanta com isto, pois os senhores fazem um trabalho das 9 ás 5..dps desta hora é um suplicio a ver que vai salvar os pobres coitados que precisam de ajuda,pois ng quer tirar o cu de casa.

commonsense disse...

Concordo com a crítica que é feita ao sistema de socorro e salvamento. Nesse aspecto quero acescentar o que ninguém até agora disse: é que falta há anos completar o sistema com uma antena, ou com o upgrade das antenas receptoras, para ter o sistema GMDSS a funcionar. É criminoso por parte de vários ministros da defesa (com minúsculas intencionais).

Mas há também outro aspecto importante: é que a segurança das embarcações começa nelas próprias e na sua tripulação e governo. E aqui, houve erros, imprudência e faltas de equipamento (ou o seu uso) que são características dos pescadores. Para eles vestir um colete, colocar um arnez ou tirar as botas - que são as primeiras coisas a fazer - é sinal de cobardia. Se o tivesse feito, estava hoje vivos.
Também não se compreende o que estava o barco a fazer naquela zona onde, além de ser proibido pescar, também é perigosíssimo navegar, porque não tem fundo.

A culpa, como sempre é de todos. Os portugueses são todos feitos da mesma incompetência, desleixo e desconsideração.

O mar não perdoa que se lhe não tenha respeito.