segunda-feira, junho 12, 2006

Notas Soltas

Esteve bem Sua Excelência o Sr. Presidente da Republica, no discurso do 10 de Junho, sabe Deus que não tenho grande consideração pelo homem, mas tenho de dar a mão à palmatória, esteve bem. Não deu as atoardas do costume, proferiu um discursinho honesto e escorreito, sem papalvices, que adora, sem mensagens encapotadas, verdade seja dita que o que disse foram uma série de lugares comuns estafados mas antes isso que as barbaridades discursivas do 25 de Abril. Esteve bem em dar relevância às FA de Portugal, existem aqueles maldosos que querem ver nesse facto um desafio ao Governo, não é a minha leitura, mas quem sabe!

O desfile militar foi uma excelente oportunidade para mostrar que urge, reformar as FA, redimensiona-las. Sócrates, respondendo à pergunta sobre o estado do material dizia, que não senhora que quem visse a parada hoje e há 10 anos notava a diferença do investimento feito.
Sócrates filho acorda, a malta não anda a dormir há 10 anos estavam lá os mesmos M60 com 40 anos, um até avariou, grande barraca, os mesmos M113 com 40 anos. As GMC e Berliet do tempo da Guerra Colonial, enfim a sucata do costume.

Ganhamos a Angola, sem convencer, tristes e bisonhos a selecção lá cumpriu, gostei de Angola jogo aberto sem medo a jogar e deixar jogar pena que do outro lado a Lusa malta estivesse meio a dormir, Costinha e Maniche são duas nódoas de grama que se arrastam pelo relvado, Mister Scolari. Abre a porra dos olhos, oh mula brazuca.


Zarquawi levou uma morteirada e tá fazer tijolo. Perdeu-se pouco, menos um imbecil à face da terra, não muda nada até porque o Rei dos labregos continua a presidir à Land of the brave. Home of the free! E o disparate vai continuar.

Um abraço, deste vosso amigo
Barão da Tróia

8 comentários:

António Lisboa Gonçalves disse...

Excelente blog!
Um abraço

Manel do Montado disse...

Amigo Barão,
Li-te de fio a pavio e não poderia concordar mais com o que escreves.
Obrigado pelo comentário no meu montado, pois ao teu voltarei com toda a certeza. Vais passar neste momento a link obrigatório.
Sabes o que custa mais? Então os generais “Passport” ouvem a ninfeta largar atoardas daquelas e ninguém os tem no sítio para desmentir o homem?
E eu que há uns anos olhava para alguns destes gajos que são agora generais e ambicionava que quando eles chegassem ao topo as coisas mudariam. Ilusão minha.
Um abraço.

polittikus disse...

em relação ao discurso do PR, não foi ele que o escreveu. No que toca á selecção nacional sabe a muito pouco o que vi...

Sofocleto disse...

Quem levou a morteirada foi um grupo de oito inocentes do qual faziam parte três mulheres. Zarkawi é uma fabricação do Pentágono. É tão real como o Capitão Gancho!

sandes-de-coirato disse...

Forças Armadas? O termo começa a ficar desadequado. Equipados como estão... nem forças, nem armadas.

Afinal o Pauleta tinha razão. A vida não é só bola... também há noitadas, putos que mais "mercham" do que jogam e treinadores mais teimosos que certas mulas.

Barão da Tróia II disse...

Amigo Sofocleto, se Vexa. acha que o moamedh qualquer coisa é uma invenção, quem sou para o desmentir. Numa guerra não há inocentes, meu amigo, isso é visão liríca da guerra limpinha e políticamente correcta que uma certa corrente de nabos propalou, a guerra é suja, tem mortos, tem crimes e não tem inocentes, somos todos igualmente carrascos e vitímas a única diferença é a nossa posição quando o tiro é disparado, atrás do cano ou à frente dele.

papoilasaltitante disse...

Gostei imenso do post!!!!
100% de acordo!
Bjs

papoilasaltitante disse...

Só não concordo com a tua opinião quanto à selecção!!!
mas pronto!!
Bjs